Como funcionam as probabilidades de aposta?

Para ser um apostador de sucesso, há que ter em conta como funcionam as probabilidades de aposta. Quantas vezes não tiveste já uma conversa com amigos ou familiares a pedir um palpite sobre determinado evento desportivo para apostares?

As casas de apostas apresentam as probabilidades em valores decimais, que representam a possibilidade de alguma coisa acontecer. Por exemplo: se o Barcelona joga em casa contra o Leganes, a probabilidade do Barcelona sair vencedor é muito superior à do modesto Leganes. Mas não te esqueças, surpresas acontecem, e isso não pode ser calculado.

Apostar é avaliar a probabilidade ou a hipótese da ocorrência de um evento. Utilizar a probabilidade implícita nas apostas também pode ajudar a comparar as probabilidades entre as casas de apostas. Contudo, se achas que o ato de apostar se resume às probabilidades das apostas, estás bem enganado. De forma a aumentar realmente o teu conhecimento acerca das probabilidades de aposta, tens de saber também calcular a probabilidade. 

Com um bom entendimento do como calcular por si só as probabilidades de apostas e como se compara com as probabilidades fornecidas pela casa de apostas, podes começar a tomar decisões mais informadas quanto às tuas apostas, quando deves apostar e quanto deves investir nas apostas que fazes.

Numa linguagem simples, a probabilidade é uma escala de 0 (que representa a completa ausência de hipóteses de um evento ocorrer) a 1 (a certeza de ocorrência de um evento futuro). A probabilidade dos restantes resultados possíveis situa-se algures entre estes dois pontos do espetro da probabilidade. 

Por exemplo: atirar a moeda ao ar é uma excelente forma de explicar como calcular a probabilidade, porque sabemos a verdadeira probabilidade para cada resultado. De certeza que vai sair cara ou coroa; e estes dois resultados, em conjunto, garantem-nos a certeza da ocorrência de um evento. Sabemos agora que este evento certo tem uma probabilidade de 1.

Calcular a margem de uma casa de apostas

Simplificando, as probabilidades não refletem a verdadeira probabilidade de aposta dos resultados para um evento. A quantia pela qual a probabilidade implícita diverge dos 100% é a margem que a casa de apostas aplicou a essa aposta em particular nesse mercado. 

Esta é uma informação fundamental para os apostadores que procuram valor, porque nos indica o verdadeiro custo da realização de uma aposta numa casa de apostas. Utilizar a probabilidade implícita para calcular a margem de uma casa de apostas é fácil e muito útil, uma vez que quase nenhumas (ou nenhumas, mesmo) partilham essa informação com o público.

Calcular o valor que pode ganhar

Todos os apostadores querem saber qual o retorno que podem ter em cada aposta, vamos dar um exemplo para simplificar:

Lembras-te do exemplo da moeda ao ar?

Pois bem, a multiplicação nesse caso é simples: montante apostado X as probabilidades decimais.

Assim, se apostares 10€ em que sai cara, com uma probabilidade de 2,0 (2,0×10€), ou seja, neste caso o teu retorno em caso de vitória será 20€, irás lucrar 10€, além dos 10€ apostados.

Conclusão

Compreender as probabilidades das apostas é importante para o apostador evoluir, saber calcular as suas próprias probabilidades e comparar com o que pensas que irá acontecer com as probabilidades disponíveis.

Quando há uma diferença entre ambas, o apostador tem a hipótese de obter lucro, que é aquilo em que o apostador deve estar focado.

Subscreve as nossas tips e prepara-te para vencer!

Comments 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *